Manguezal do Concha D’Ostra, um jardim suspenso sobre as águas de Guarapari

Escrito por  SEMA
Publicado em SEMA
Avalie este item
(1 Voto)
24 Jul
Foto: Rivelino Galvão. Foto: Rivelino Galvão.

Como um jardim suspenso sobre as águas, o Manguezal  de Guarapari recepciona a todos que passam pela ponte de Guarapari.

Neste domingo (26), é comemorado o Dia do Manguezal e a Secretaria de Meio Ambiente convoca todos os moradores e visitantes do município para uma campanha de preservação e conservação do mangue. 

Guarapari tem uma das maiores reservas urbanas de manguezal e, também, um grande desafio à sua integridade, preservação e conservação.

A Reserva de Desenvolvimento Sustentável Concha D’Ostra, com 935 hectares de manguezal, foi originalmente criada como estação ecológica em 2003. Em março de 2007, pela Lei nº 8464 foi transformada em "Reserva de Desenvolvimento Sustentável", com o objetivo de proteger os manguezais do estuário da "Baía de Guarapari", importante zona de reprodução de diversas espécies de crustáceos e peixes e também de garantir o uso sustentável deste recurso natural pela população tradicional residente. 

É do Manguezal que sai o sustento de muitas famílias. Mexilhão, ostra, caranguejo e siri são usados na produção das deliciosas moqueca e torta capixabas. Até tanino (retirado da casca de uma árvore do mangue) é usado na confecção das tradicionais panelas de barro. O manguezal é um ecossistema de transição entre os ambientes terrestre e marinho, que possui comunidades vegetais típicas de ambientes alagados resistentes à alta salinidade, rico em matéria orgânica e nutriente. No Brasil, os manguezais ocorrem desde o cabo Orange, no Amapá, até a cidade de Laguna, em Santa Catarina. A fauna possui grande importância econômica, com crustáceos e moluscos, além de peixes como o Robalo e a Tainha.

Rivelino Galvão, Gerente de Educação Ambiental - SEMA, apresentando a diversidade do local Rivelino Galvão, Gerente de Educação Ambiental - SEMA, apresentando a diversidade do local A Secretaria Municipal de Meio Ambiente – SEMA realização ações de fiscalização e monitoramento nas áreas de manguezal, principalmente durante o "Defeso do Caranguejo Uçá", período de reprodução onde a captura, o transporte e a comercialização são proibidos.

"O manguezal é muito importante para o equilíbrio ecológico, por ser um local favorável para o desenvolvimento de diversas espécies da fauna marinha que utilizam o ecossistema como local de refúgio, reprodução e crescimento dos filhotes até a idade juvenil, época em que migram para o mar. Por isso, é considerado o berçário do mar", ressalta o biólogo Rivelino Galvão.


Prefeitura de Guarapari

 

Lido 3425 vezes Última modificação em Sexta, 24 Julho 2015 16:37

Agenda de Eventos e Ações. Você é nosso convidado!

Error: No articles to display

GUARAPARI INFORMA | Cadastre-se na nossa newsletter e receba no seu e-mail nosso informativo!

SFbBox by website